[kads group="topo-1"]


A Alimentação Natural

A alimentação ingerida tem efeitos poderosos sobre a vida mental do homem.
O comportamento humano é resultante do seu estado mental.
A agressão, a passividade, a depressão, a alegria, o otimismo, a felicidade,
resultam da frequência mental.
A alimentação natural, quando fundamentada no estudo, na pesquisa, ajuda
a manter o equilíbrio mental, a integração moral, a harmonia, a saúde física,
mental e espiritual, desde que realizada conscientemente, sem fanatismos ou
distorções que perturbam a consciência crítica, o livre-arbítrio, a autodeterminação
do praticante.
O homem que busca o autoconhecimento deve procurar o potencial da alimentação natural.
Comer não significa simplesmente satisfação física, mas, fundamentalmente,
defesa da vida – portanto, é ato moral. Todo o tempo do homem pertence ao homem.
A alimentação natural representa energia que ajuda a determinar o estado de equilíbrio
entre o corpo, a mente e o espírito.
Corpo, mente e espírito não atuam um sobre o outro são um só. O ator, o portador da cultura
e dos comportamentos é o espírito.

Mensagem extraída da obra:
“No Cenário da Vida”

O abraço afetuoso LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA
Mensagem psicografada pelo médiun Maury Rodrigues da Cruz

Compartilhe: