[kads group="topo-1"]


Baixios e cumeadas

Ao longo de nossa trajetória terrena, independentemente de nossas crenças, nacionalidade ou classe social, absolutamente todos nós passaremos por uma série de desafios necessários ao nosso aprimoramento.

Tudo aquilo que é da matéria, é absolutamente efêmero e transitório, e assim se dá com as circunstâncias de nossas vidas. Se procurarmos fazer, cada um de per si, uma rápida introspecção, perceberemos com clareza todas as reviravoltas que a nossa vida já deu.

Ao passarem por grandes desafios, por momentos de adversidade, é muito comum vermos pessoas se desesperando, ou mesmo se voltando contra Deus e chegando a duvidar de sua existência. Estes parecem acreditar que sua passagem pela Terra deveria ser somente de gozos e venturas e que Deus lhes garantiria uma vida eivada exclusivamente de prazeres desde que cumpridas certas ‘obrigações’ de cunho religioso.

No extremo oposto, ao experimentarem alguns grandes êxitos, é também comum vermos crescer em muitas pessoas a soberba e a prepotência na exata proporção em que diminui sua percepção da realidade espiritual.

A ambos os grupos de pessoas falta justamente essa noção de que todas as situações que vivenciamos na Terra são temporárias e que em um átimo tudo pode mudar.

Não podemos deixar de lembrar que sendo Deus a causa primária de todas as coisas, o fundamento do fundamento da vida, e contendo em si o suprassumo de todas as virtudes, dentre as quais a Justiça, é forçoso percebermos que tudo o que nos acontece está absolutamente adequado às Leis Cósmicas e que se assim não somos capazes de perceber, isso se deve exclusivamente à nossa visão míope, caolha e extremamente limitada da realidade.

Através das mensagens que nos são trazidas por espíritos orientadores, nas quais somos constantemente chamados a perceber que a vida de todos nós é composta por baixios e cumeadas, os estudiosos e simpatizantes do Espiritismo tem a possibilidade de refletir e gradativamente adequar suas atitudes com o fito de reagir de forma sempre serena e equilibrada em qualquer situação.

É evidente que através de nossas escolhas conscientes devemos sempre buscar alcançar o máximo êxito possível em todas as searas. Todavia, o encadeamento das circunstâncias ocorre de forma complexa, não estando ao nosso alcance o controle pleno de todas as situações. Devemos estar sempre preparados para superar de maneira digna e firme quaisquer desafios que possam surgir.

Aquele que procura perceber os mecanismos da existência através de uma visão cósmica, e não exclusivamente a partir de seu próprio ego ou de uma visão materialista, consegue alcançar o equilíbrio necessário para se manter de cabeça em pé em qualquer situação, seja ganhando ou perdendo. Quem alcança essa visão de mundo mais ampla, percebe que em qualquer circunstância é sempre vitorioso, pois as experiências que vivenciou são – todas elas –  importantes para a sua evolução.

Aliás, é de se notar que ao fazermos um retrospecto de nossas vidas certamente perceberemos que em muitas ocasiões sofremos excessivamente com ‘problemas’ que à época julgávamos insolúveis e, passados alguns anos, notamos que aqueles desafios foram necessários e imprescindíveis para o aprendizado que fizemos e para chegarmos aonde chegamos. Gradativamente vamos nos apercebendo de que somos capazes de tirar preciosas lições de absolutamente todos esses altos e baixos que a vida da Terra nos proporciona.

Logo, podemos concluir que o decurso do tempo conjugado com essa busca por uma visão mais ampla de mundo, que contemple as Leis Cósmicas, é um excelente lenitivo para todos os pretensos males que momentaneamente nos afligem.

Compartilhe:

Sobre o Autor

Rodrigo Fontana França

Rodrigo Fontana FrançaAdvogado e Coordenador de Grupos de Estudos Espíritas na Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas (SBEE) e no Centro Espírita Antonio Grimm (CEAG)

Todos os Posts de: Rodrigo Fontana França