[kads group="topo-1"]


Edição 22

edicao22

 

SOU OU TENHO UM ESPÍRITO? –
Ao longo de quatro anos, a SER Espírita procurou trazer reflexões que fizessem a diferença no dia a dia de cada um de seus leitores. Ao final deste ano – já são quatro de vida -, fizemos um balanço e chegamos à conclusão de que o autoconhecimento é um dos grandes pilares da Doutrina Espírita, com o qual devemos nos preocupar constantemente e fazer reflexões críticas.
A partir disso, começamos a fazer perguntas – Quem eu sou? O que quero? Para que estou aqui? – e a entender o porquê de nossa presença na Terra. Fazemos opções por determinadas religiões para tentar explicar tudo isso. Sendo espíritas, temos consciência de que cada um de nós é um espírito – e não temos um espírito – e que estamos aqui com uma missão. Afinal, o que somos? Ou seja, “o que é o espírito?”. Nesta edição, a SER Espírita traz uma reportagem que tenta desvendar isso. Desvendar algo sobre nós, portanto. Outro texto, um pouco mais didático, complementa a matéria. Um detalhamento que pode responder (ou pelo menos levar à reflexões) mais perguntas sobre o espírito.
Na edição de final de 2012, a SER Espírita mostra ainda alguns trabalhos que mereceram destaque durante o ano. Um deles – na seção Ação Social – é o da horta do Centro Educacional Infantil Lar Escola Dr. Leocádio José Correia, localizado em Curitiba (PR). Um lugar onde as crianças aprendem muito mais do que plantar e cultivar verduras e frutas. Lá, elas aprendem a cuidar do meio ambiente e ter consciência de que ele é uma das garantias de preservação da vida. Outro trabalho que merece destaque é o do produtor do CD Ciclos, de Pernambuco, Silvério Pessoa. Aliando educação e espiritualidade, o projeto traz temas como família, infância, amizade, solidariedade, cultura e paz. Pessoa dedicou seu trabalho ao médium Chico Xavier.
Na seção Espiritismo no Século XXI, um tema polêmico, mas que deve ser discutido com racionalidade e analisado profundamente: milagres. Será que eles podem acontecer? Deus “age” mesmo no mundo? De que maneira? Ao longo da história – mesmo antes de Jesus Cristo – o tema vem sendo recorrente, principalmente entre os ocidentais. E a SER Espírita investiga estas e outras questões, convidando você a refletir também.
Boa leitura!

Compartilhe: